NOVEMBRO AZUL

NOVEMBRO AZUL

Novembro Azul: Conscientização a respeito do Câncer de Próstata e Testículos

A Sociedade Brasileira de Urologia recomenda que homens a partir de 50 anos procurem médico para avaliação individualizada. A cada hora, sete homens recebem o diagnóstico de câncer de próstata no Brasil, de acordo com as estimativas de incidência do Instituto Nacional do Câncer (Inca) para 2018 (68.220 casos/ano). O tumor mais incidente no homem (excluindo-se o câncer de pele não melanoma) ainda mata cerca de 20% dos pacientes (14.484 óbitos em 2015). Para orientar a população, a Sociedade Brasileira de Urologia realiza a partir do dia 1º mais uma edição do Novembro Azul. A campanha este ano vai contar com palestras, ações de esclarecimento nas ruas com o Dr. Prost (personagem criado pela SBU para esclarecer o público leigo sobre as doenças da próstata), live nas redes sociais, veiculação de mídias em transporte público e material informativo no site oficial da SBU: www.portaldaurologia.org.br/novembroazul.

A recomendação da SBU é que homens a partir de 50 anos procurem um profissional especializado, para avaliação individualizada. Aqueles da raça negra ou com parentes de primeiro grau com câncer de próstata devem começar aos 45 anos. O rastreamento deverá ser realizado após ampla discussão de riscos e potenciais benefícios, em decisão compartilhada com o paciente. Após os 75 anos, poderá ser realizado apenas para aqueles com expectativa de vida acima de 10 anos.

Doenças da próstata
Do tamanho de uma castanha e localizada abaixo da bexiga, a principal função da próstata é produzir uma secreção fluida para nutrição e transporte dos espermatozoides. Ao longo da vida a glândula pode desenvolver três doenças: a prostatite (inflamação), a hiperplasia prostática benigna – HPB (crescimento benigno) e o câncer. A prostatite chega a atingir cerca de 30% dos homens. Pode causar ardor ou queimação ou um desconforto junto ao orgasmo, esperma de cor amarelada, vontade frequente para urinar etc. A principal causa para a doença são uretrites, como a gonorreia, após relacionamentos com parceiras com infecções ginecológicas e ainda após relação anal sem preservativo.

Já a HPB pode atingir cerca de 50% dos homens acima de 50 anos e provoca aumento da frequência urinária diurna, diminuição da força e do calibre do jato urinário, demora para iniciar a micção, sensação de urgência para urinar, entre outros sintomas. O câncer, por sua vez, não costuma apresentar sintomas em fases iniciais, quando em 90% dos casos pode ser curado. Ao apresentar sintomas significa já estar numa fase mais avançada e pode causar vontade de urinar com frequência, presença de sangue na urina ou no sêmen.

Fatores de risco:
– Histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio
– Raça: homens negros
– Obesidade
– Sedentarismo

Exames
A análise da próstata é feita pela dosagem do PSA no sangue juntamente com o exame de toque. “Um exame não exclui o outro, visto que é possível ter PSA aumentado e não ter a doença ou tê-lo normal e ter a doença. O PSA também pode aumentar no caso de prostatite e HPB e há casos em que ele não se altera mesmo com o câncer em curso”, explica o coordenador do Novembro Azul 2018, Dr. Geraldo Faria.

Agenda de ações:
14/11 às 10h – Live com o urologista e membro do Departamento de Uro-Oncologia da SBU Dr. Romolo Guida no Facebook da SBU em http://facebook.com/portaldaurologia

Sociedade Brasileira de Urologia

www.portaldaurologia.org.br

Com 90 anos de história, a entidade congrega cerca de 4.500 urologistas de todo o país. Defensora da saúde do homem, a SBU organiza anualmente campanhas de esclarecimento de doenças como câncer de próstata, incontinência urinária e saúde do adolescente. A urologia engloba ainda assuntos relacionados à disfunção erétil, à ejaculação precoce, ao cálculo renal, ao câncer de testículo, à enurese noturna infantil (xixi na cama) entre outros. Seu site é um grande portal de informações confiáveis sobre urologia: www.portaldaurologia.org.br. Presidente gestão 2018/2019: Dr. Sebastião Westphal

Uma história de Rugby: Princeton University Rugby Football Club

1877

Linha do tempo de um dos primeiros times universitários em 1878 nos Estados Unidos. Enquanto outras universidades investiam no que conhecemos hoje como Futebol Americano, Princeton tinha uma equipe de Rugby. É um dos clubes mais antigos do continente americano. Até o início dos anos 1880, o “America Football” de onde se originou das regras do rugby, evoluiu rapidamente para o rugby como conhecemos hoje. Mas o clube permaneceu ativo durante um breve período na Universidade de Princeton, uma vez o Futebol Americano acabou assumindo mais espaço.
Leia mais

Campeonato Fluminese, terceira rodada e um vitória importante

Campeonato Fluminese, terceira rodada e um vitória importante

No último sábado nossa equipe venceu o Maxambomba no campo da UFFRJ, em Seropédica, por 15 a 13. O placar da partida reflete como foi um jogo bem equilibrado e limpo, arbitrado pelos juízes Klaus Kiessling, Amanda Rosa e Bianca Zaroni que trabalharam sem grandes dificuldades.

Nosso adversário não conseguiu providenciar médico a tempo da partida no horário mas decidimos por não aceitar o W.O. e resolver dentro das quatro linhas. Com a vitória nos classificamos para semifinal contra o combinado Friburgo/ Juiz de Fora.

Agradecemos ao apoio de todos os atletas que estão conosco até então, ao nosso adversário porque sem ele não haveria jogo, arbitragem e todos que acompanham a história do Carioca, desde 2012, trabalhando pela formação de muito mais que um time, mas clube unido e muito determinado a jogar, sempre.

Copa Serrana Rugby 7s

Copa Serrana Rugby 7s

Torneio masculino e feminino organizado pelo Cachoeiras Rugby de Seven a Side em 17 de Março 2017. Nossa equipe masculina ficou em segundo lugar no placar geral e nosso time feminino foram as campeãs do torneio.

Feminino
Carioca 15 x 5 Cachoeiras
Carioca 17 x 5 UFF

Masculino
Carioca 19 x 12 UFJF
Carioca 22 x 15 Volta redonda
Carioca 12 x 5 Itaipuaçu
Carioca 5 x 17 Friburgo

Seguem algumas imagens do torneio abaixo. Clique aqui para ver mais.

Fotos Tayane Tavares Mathis (Carioca Rugby Feminino)

Campeonato Fluminense de Rugby 2017

A primeira rodada do Campeonato Estadual foi adiada para o fim de semana
dos dias 8 e 9 de abril e reajustar foi preciso reajustar o calendário
das partidas desta edição.

Masculino
1 Rodada – 8/9 de abril
2 Rodada – 22/23 de abril
3 Rodada – 6/7 de maio
SemiFinais – 27/28 de maio
Finais – 10/11 de junho

Feminino
1ª Etapa – 23/abril
2ª Etapa – 20/21 maio
3ª Etapa – 24/25 junho

Os jogos podem ser visualizados em http://goo.gl/On5xO6
Informação da Federação Fluminense de Rugby

Primeiro Amistoso de 2017: Carioca Rugby x Guanabara Rugby

Primeiro Amistoso de 2017: Carioca Rugby x Guanabara Rugby

 

Neste sábado, 11 de fevereiro, às 16h, tem amistoso Carioca Rugby F.C. e Guanabara Rugby Football Club.
A partida é uma prévia para o Campeonato Fluminense onde todos os times do Estado irão se enfrentar.
Tragam seus amigos e família e vamos curtir um belo dia de rugby no campo do Fundão, na Ilha do Governador.

O campo é um dos legados que a Olimpíada de 2016 deixou para o Rio de Janeiro
e é mantido hoje pela Federação Fluminense de Rugby. Fica na Av. Horácio Macedo,
4878-5084, na Cidade Universitária. Clique aqui para visualizar no Google Maps
Tragam seus amigos e família e vamos curtir um belo dia de rugby no campo do Fundão,
na Ilha do Governador. Acesso fácil pela Linha Vermelha ou estação do BRT na Cidade
Universitária próxima ao campo.

Acompanhe a partida também nas nossas redes sociais em
instagram.com/cariocarugby
facebook.com/cariocarugby
twitter.com/cariocarugbyfc
Quer treinar conosco? Treinos todas as Segundas, Quartas, Quintas e Sábados.
Saiba mais em http://cariocarugby.com/treino

Rio Beach Rugby 2017

Rio Beach Rugby 2017

No próximo fim de semana, dias 28 e 29 de janeiro, a praia de Copacabana, bem em frente
ao Hotel Copacabana Palace, serão palco de mais uma edição do tradicional Rio Beach Rugby.
Desde 2006, o Rio Rugby F.C. promove o evento que abre o calendário de competições na cidade.
Muitos clubes cariocas e de outros estados já passaram pelas areias da nossa orla e todo
ano voltam para disputar lado a lado pelo título de donos da praia.

O evento além de ser uma grande confraternização entre jogadores e amantes do esporte,
também ajuda na divulgação da modalidade e do próprio rugby. A cada ano, mais e mais
adeptos começam a agregar as fileiras dos times locais e até formar suas próprias
equipes dali. A preparação das nossas equipes já começou nos primeiros treinos deste ano.

No fim de 2016, a Confederação Brasileira de Rugby realizou o Super Desafio BRA, onde
várias equipes do estado puderam jogar antes das seleções convidadas a jogar. Brasil,
Chile e Uruguai entraram em campo, tanto masculino e feminino nesta edição.

Entre a mulheres, o Brasil faturou o terceiro título seguido, vencendo todas as suas adversárias.
Já no masculino a taça foi do Uruguai, que também venceu todos os seus jogos. O Brasil, por sua vez,
acabou em último, sem vitórias.


E o Carioca Rugby estava lá também. Nossa equipe defendeu bravamente nossa camisa
e conseguiu uma boa colocação no quadro geral levando boa parte dos nossos jogadores
para este desafio e conquistando a Taça Prata da competição de clubes.

Convidamos a você, jogador, amante do esporte, amigos e familiares do time ou das
equipes que vão jogar a assistir este belo fim de semana de jogos numa das praias
mais famosas do Brasil. Os primeiros jogos começam às nove da manhã e vão até o fim
do dia. Você pode fazer parte desta festa fazendo ela ficar mais alegre incentivando
os jogadores em campo.